RodrygoFerraz.com.br
Início » » Antas-BA: 'Só não falo com prefeito Wanderley, meu arqui-inimigo', diz Nilo sobre Neto, após 'molho' de Jaques Wagner

Antas-BA: 'Só não falo com prefeito Wanderley, meu arqui-inimigo', diz Nilo sobre Neto, após 'molho' de Jaques Wagner

Publicado por Rodrygo Ferraz em quarta-feira, 19 de março de 2014

Preterido da chapa do pré-candidato do PT ao governo do Estado, Rui Costa – mas não comunicado oficialmente nesta terça-feira (18) –, o presidente da Assembleia Legislativa Marcelo Nilo (PDT) passou o dia inteiro a aguardar o contato do governador Jaques Wagner, que coordena o processo de escolha, para ouvir dele os critérios para a definição do PP na vaga. O pedetista soube pelo Bahia Notícias que o nome escolhido para compor a coligação foi o do deputado federal João Leão e, pela manhã, se reuniu com o próprio Rui, mas não quis adiantar nada sobre a conversa. Ele esperava um telefonema de Wagner, para por o preto no branco, no entanto também não houve chamada. "Não me telefonou nem me chamou para conversar", resumiu Nilo. O chefe do Executivo baiano esteve mais cedo no município de Rodelas, no norte do estado, ao lado do vice Otto Alencar (PSD) – que postula o Senado –, para a cerimônia de entrega da recuperação de mais de 31 quilômetros do trecho da rodovia BA-210, em um investimento de R$ 26,5 milhões. Nada de campanha foi tratado, segundo Otto. "Ele não falou nada comigo sobre eleições. Rodelas é o maior produtor de coco irrigado por hectare do Brasil. Eram quatro horas de viagem até Paulo Afonso, em um trecho de apenas 86 quilômetros. O povo chorava e sorria ao mesmo tempo. Foi emocionante. O governador também se emocionou", despistou o vice-governador. Wagner chegou a Salvador antes das 15h, ainda assim, apesar de ter adiado a sua viagem de miniférias para a Páscoa a fim de dar um ponto final à definição da chapa, preferiu não contatar Nilo. A expectativa é a de que o nó seja desatado até o fim da semana para que Leão já viaje confirmado como vice a Barreiras, seu reduto eleitoral, onde o prefeito Antônio Henrique (PP) é seu liderado. Conforme o secretário estadual de Relações Institucionais, a via crucis está perto de terminar. "O governador vai conversar com Marcelo esses dias, amanhã [quarta, 19] ou depois. Ele vai conversar com os partidos da base para fechar a questão com a maior harmonia possível e o menor contratempo possível. Até o fim de semana vamos arrematar", prospectou.

Foto: Manu Dias/ GOV BA
Enquanto o imbróglio com o governo segue, o definidor da composição pelo grupo opositor, o prefeito da capital ACM Neto (DEM), abriu as portas, também via imprensa, para uma possível negociação com Marcelo Nilo. Ele cogita a hipótese. "Não recebi nenhum recado de Neto, mas se ele telefonar eu falo. Só não falo na vida com o prefeito de Antas [Wanderlei dos Santos Santana (por acaso, do PP)], que é meu arqui-inimigo. De resto, eu falo com todo mundo", avisou o deputado antense, que já esteve no Palácio Thomé de Souza na semana passada para prestigiar a posse do secretário municipal da Casa Civil, Luiz Carreira. Apesar do flerte, o presidente estadual do PDT, Félix Mendonça Jr., já deixou claro que dificilmente o partido mudará de lado.

BN
Compartilhe este artigo :

Horóscopo

Siga-me no instagram

Visitantes onlines

Publicidade

As mais acessadas