RodrygoFerraz.com.br
Início » , » Adustina-BA: A Arte de Legislar

Adustina-BA: A Arte de Legislar

Publicado por Rodrygo Ferraz em quarta-feira, 19 de agosto de 2015



No município de Adustina atualmente, a arte de legislar tem sido atropelada por alguns que se auto-avaliam como "donos da verdade", e desejam usar da eloqüência, porem, não estão atendendo a nenhum dos dois requisitos, pois legislar segundo o Aurélio "determinar; compor quaisquer regras, normas ou preceitos", e eloqüência "capacidade de falar e expressar-se com desenvoltura", necessitam de uma capacidade que vai além de balbuciar palavras ao leo. Parabenizo até alguns que por sua desenvoltura, caráter e comportamento se sobressaem, pois tratam de leis e de atividades diárias cumprem exatamente o que o povo lhes confiou. Alguns sem interesse financeiro tratam do bem estar do povo. Na hora de legislar usa do bom censo e da criticidade, pois como eles mesmos afirmam "se é bom pra o povo...". Porem algumas cenas e inverdades vem chamando a atenção, vereadores que estão usando a tribuna descarrega seus problemas particulares no ar. Que criam fabula e que, me parecem pela dor de cotovelo, tentam denegrir a imagem dos outros.

Meus nobres antes de atirar pedras faça uma auto-analise de sua vida anterior.

Busquem no mais profundo dos seus egos "quem eu era", "e quem eu sou". Se antes tinha algum poder econômico ou conseguiu a custa de novas atividades. Se vale a pena chutar o pau da barraca com palavras enganadoras e mentirosas, pois isso está se tornando habito. Se tem mérito para se auto avaliar. Ou se somente uma semente dos próprios desejos.

Um ótimo vereador é aquele que usa da política do utilitarismo, em que o papel fundamental é promover a felicidade da população.

Pelo que se ver atende as duas colocações:

"Pessoas agressivas, geralmente são mal amadas e só necessitam de atenção".

A última pra fechar as colocações:

Síndrome de Pinóquio, caracterizadas por nove características;

1° Necessita de atenção; 2° Contador de história; 3ª Esconder-se de si; 4° Mesma historia personagens diferentes; 5° Baixa auto-estima; 6° Déficit de atenção e hiperatividade (DDA); 7° Transtorno bipolar; 8° Dependências; 9° Negação da realidade.

www.RodrygoFerraz.com.br

Acompanhe o Rodrygo Ferraz também pelo Twitter™ e pelo Facebook.
Compartilhe este artigo :

Horóscopo

Siga-me no instagram

Visitantes onlines

Publicidade


As mais acessadas