ÚLTIMAS NOTÍCIAS

latest

Júnior de Santinha dissemina fake news a respeito de dívida envolvendo a Prefeitura de Adustina (BA)

21 setembro 2023

/ por Rodrygo Ferraz
 
O radialista Júnior de Santinha, divulgou nos últimos dias informação de que a Prefeitura de Adustina e o Prefeito Paulo Sérgio, ainda estavam devendo a sonorização das festas do Carnaval e do São João. Nesta quarta-feira, 20/09/2023, apareceu nas redes sociais um comprovante de recibo, informando que a dita empresa já recebeu tal valor, inclusive, contém a assinatura do prestador de serviços.

A verdade é que, Junior de Santinha, se transformou num agente político da oposição de Adustina, uma vez que é bem claro que a Prefeitura não deve nada a ninguém. Todos estes eventos citados foram terceirizados pela empresa A2 Etretenimento.

Desde a aprovação da terceirização, o ente público está proibido de prestar diretamente este tipo de serviços, e os eventos devem serem terceirizados. Portanto, a prefeitura já pagou a empresa responsável.

Em contato com a gestão, fomos informados que, com relação a autenticação em cartório constando a data, 20/09, é devido a necessidade do documento autenticado para entrar com um processo contra o radialista Júnior de Santinha, por disseminar fake news.

Em nota o proprietário da sonorização relatou:
 
Eu, João Batista Alves da Rocha, venho novamente agora, reiterar meu apreço e consideração a empresa A2 Entretenimento à qual tenho prestado serviços há algum tempo. Gostaria de Esclarecer que a A2 Entretenimento através do seu diretor acaba de saldar pendências financeiras para com a minha pessoa através de depósito bancário. Ao mesmo tempo ressalto que em momento algum procurei canais de jornalismo para expor esse tipo de assunto tampouco expor o gestor municipal. Que publiquei sim que não havia recebido o valor referente ao evento por até então não ter recebido, mas fiz em resposta ao ato irresponsavel por parte dos que me expuseram em grupos.

>Siga RODRYGO FERRAZ no Instagram, Youtube e pelo Facebook

Deixo claro que me idgno com a postura de agentes que publicaram documentos pessoais com meus dados e assinatura. Que a publicação dos documentos não partiu da empresa A2 e sim de pessoas ligadas ao gestor. A A2 Entretenimento me procurou e esclareceu que já havia recebido os valores acertados com a prefeitura ma que por alguma razão não havia repassado.

Com a empresa A2. estamos bem conversados e entendidos. Já com as pessoas que publicaram documentos pessoais na rede social essas sim, deverão se pronunciar em juízo. Um ato insano que expôs a minha pessoa e a pessoa juridica A2 Entretenimento em prol de politicagem em grupos.

VOCÊ REPÓRTER

Presenciou um fato importante que merece virar notícia? Tem um vídeo ou uma foto? A sua sugestão ou denúncia pode virar uma matéria no RodrygoFerraz.com.br. Envie para o nosso WhatsApp (75) 99840-7592.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Não deixe de ver
© Todos os direitos reservados
desenvolvido pela Agência Ferraz LTDA